Celebrando Deus

O Arrebatamento de Enoque

“Enoque é um tipo de Cristo, que teria que vencer a morte”

Surpreendentemente, Enoque é o sétimo desde Adão. Com isto podemos dizer que a morte não pôde com o sétimo (o “sete” é o número de Deus). Enoque é um tipo de Cristo, que teria que vencer a morte, e também dos santos que estão vivos e que serão arrebatados ao céu quando aparecer o Senhor Jesus Cristo.

Enoque não foi obrigado a permanecer no mundo até que a iniquidade dessa geração chegasse ao seu ápice e os juízos de Deus caíssem sobre ela. É uma grande bem-aventurança ser tirado do meio de uma avalanche de perdição como aquela. Assim será também com os cristãos que hoje caminham com Deus e lhe agradam.

Nos dias de Enoque existia, da mesma maneira que hoje, um grande desenvolvimento das artes e da ciência. Os filhos de Caim procuraram embelezar um mundo maldito com os doces sons da harpa e a flauta, mas Enoque tinha encontrado outro mundo melhor no que se deleitar. Enoque viveu às costas de um mundo governado pela morte e pelos filhos de Caim.

Se a Gênesis 5:24 adicionarmos Hebreus 11:5 e Judas 14-15, temos algumas importantes coisas a respeito de Enoque:

1. Enoque foi um homem de fé (é o que vem em seguida de Abel na lista de Hebreus 11). “Pela fé Enoque…”. O ponto de partida de uma vida que agrada a Deus é a fé. E esta consiste em viver olhando com esperança coisas que não se vêem.

2. Enoque caminhou com Deus, o qual implica separação, santidade e pureza. “Não só andava atrás de Deus, como fazem todos os bons, mas sim andava com Deus, como se estivesse já no céu”, escreveu Matthew Henry. Como poderiam andar dois juntos, se não estivessem de acordo? (Amós 3:3). Como poderiam andar dois juntos se não compartilharem o mesmo caráter e objetivos?

3. Deus o transladou. “Enoque foi transladado para não ver a morte, e não foi achado, porque Deus o transladou”. Ser transladado é ser tirado da terra milagrosamente. Não pela via da morte, mas sim da glória. Enoque foi o primeiro, mas virão muitos depois dele.

4. Deu testemunho de ter agradado a Deus. O testemunho interior é claro e seguro naqueles que agradam a Deus. Eles não andam às escuras, mas sim vêem claramente. Aprenderam a arte de negar-se a si mesmos e deixar-se guiar pelo Espírito de Deus.

5. Foi um profeta –a rigor, foi o primeiro profeta– que testificou dos juízos de Deus a uma humanidade ímpia. “Destes também profetizou Enoque, sétimo desde Adão, dizendo: Eis aqui veio o Senhor com milhares dos seus santos, para fazer juízo contra todos, e deixar sentenciados a todos os ímpios de todas as suas obras ímpias que têm feito impiamente, e de todas as coisas duras que os pecadores ímpios falaram contra ele” (Judas 14-15).

Enoque caminhou tão próximo de Deus que pôde ver com extrema clareza a impiedade da sua geração. Enoque se afastou tanto do mundo que o cercava, no seu caminho para o céu, que Deus o levou antes do tempo. Nós temos esta expectativa?

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support

Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0